SEDUC cobra atualização do SGE as vésperas do recesso. Sindicato discorda.

04/12/2018 16h28 | Atualizado em: 04/12/2018 16h51

Professores denunciaram ao Sindicato dos Profissionais em Educação Física no Tocantins,  que estariam sofrendo pressão para atualização do SGE com notas, conteúdos e frequências desde junho.

A Secretaria Estadual de Educação Juventude e Esportes - SEDUC alega problemas com o banco de dados que teria sido corrompido perdendo todos os dados ja cadastrados pelos Professores.

Preliminarmente o Sindicato orienta os Professores que, as atualizações devem ser feitas se houver disponibilidade de tempo antes do recesso, e que jamais poderá afetar o período de descanso já programado, qualquer tipo de trabalho extra deve ser auferido mediante pagamento de horas extras e mediante comum acordo com o Professor.

O Sindicato busca junto a SEDUC uma resolução para o caso e que seja menos prejudicial aos Professores.



PALMAS, 04/12/2018.