Professores recebem salários “antecipados”, Marcelo Miranda sempre negou.

07/04/2018 09h47 | Atualizado em: 07/04/2018 09h50


Os Professores da Educação Básica do Tocantins receberam hoje seus salários, o Governador que estava em Exercício Mauro Carlesse (PHS) pagou os servidores da Educação contrariando a Gestão Marcelo Miranda (MDB) que sempre alegou não ter recursos para pagamento da categoria no quinto dia útil.

O Governo do Tocantins sempre utilizou-se da justificativa que não realiza o pagamento até o 5° dia útil de cada mês por falta de recursos e em função da situação ainda não normalizada em razão da grave crise financeira dos Estados, afirmando que o pagamento dos salários só poderiam ser realizado depois do dia 10 de cada mês porque é nessa data que o Governo Federal repassa ao Estado do Tocantins parte do FPE- Fundo de Participação dos Estados- que garante o pagamento dos salários dos Servidores Públicos Estaduais.

O governo Marcelo Miranda anulou o artigo 1° do Decreto 2.563, de 27 de outubro de 2005. O decreto determinava o pagamento de subsídios de servidores públicos do estado até o quinto dia útil de cada mês.

O Sindicato defende que os Profissionais da Educação recebam sempre no quinto dia útil por se por terem fonte de recurso proprio, provenientes do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb).
 
Marcelo Miranda que retornou ao cargo mediante liminar deve deixar o Governo novamente em duas semanas após julgados os embargos de declaração.